terça-feira, 25 de agosto de 2009

Kléber está de malas prontas. Não tem motivo para ficar no Cruzeiro...

Kléber está de malas prontas. Não tem motivo para ficar no Cruzeiro...





Qual o sentido de Kléber continuar no Cruzeiro?

O time perdeu a Libertadores.

Luta, no máximo, para ter uma nova oportunidade em 2010.

Adílson Baptista está remontando a equipe, depois de mais um desmanche, marca registrada dos Perrella.

Quando teve todos os holofotes, na disputa das finais da Libertadores, Kléber falhou.

E enterrou o sonho de ser convocado e disputar a Copa do Mundo.

O Cruzeiro tem acertado com o empresário de Kléber o valor de 10 milhões de euros.

Quem pagar, leva.

Kléber deu uma importante entrevista na semana passada para a rádio Itatiaia.

Disse ter ficado decepcionado com a postura de alguns companheiros.

Eles não renderam na decisão da Libertadores.

Comprometeram o time.

E o próprio Kléber.

E teve de correr como um alucinado para buscar a bola, já que ela não chegava.

O atacante acredita que este foi um dos fatores que o deixara longe da Seleção.

Kléber sonhava com uma proposta de times grandes, tradicionais vencedores da Europa.

Mas os interessados foram apenas medianos.

O nome da vez é o Porto.

Há chance até o final da janela que o time lusitano chegue aos 10 milhões de euros.

A mala de Kléber, recém casado, já está pronta.

Pode até ser que ele não vá.

Mas nunca esteve tão disposto a deixar Belo Horizonte...


9 comentários:

  1. FC Porto fecha cerco a Kléber
    Por Carlos Pereira Santos e Paulo Horta

    Pode ficar fechado por 7,5 milhões mais Leandro Lima; Ordenado de 1,2 milhões/ano.

    O FC Porto está próximo de garantir o avançado Kléber, do Cruzeiro, num negócio que deverá envolver o pagamento de 7,5 milhões euros aos brasileiros e o passe de Leandro Lima (apresentado no clube de Belo Horizonte, como emprestado).

    O contrato a assinar com Kléber prevê um ordenado líquido para o jogador na ordem dos 100 mil euros por mês, à partida enquadrável na política salarial defendida pelos portistas.

    Do cerco do FC Porto a Kléber também se fala no Brasil, onde esteve nos últimos dias o conhecido empresário António Araújo, mas nem o representante de jogadores, nem o FC Porto têm transpirado sinais de abordagem ao atacante.

    Os media brasileiros já deram conta de uma proposta rejeitada pelo Cruzeiro e de uma segunda ronda negocial.

    Kléber, por lesão, não jogou anteontem frente ao Náutico.

    Leia mais sobre a actualidade do FC Porto na edição impressa de A BOLA

    ResponderExcluir
  2. ZIRLEI , vc disse tudo ... Nada a comentar ....

    ABRÇS

    ResponderExcluir
  3. Cruzeiro espera propostas até quinta-feira
    EDUARDO MALUF EXIGE DOCUMENTO OFICIAL DO FC PORTO




    Eduardo Maluf, homem forte do futebol do Cruzeiro, acredita que quem estiver interessado em Kléber, neste caso o FC Porto, terá de fazer uma nova investida nos próximos dias para tentar contratar o dianteiro, dada a proximidade do fecho das inscrições.

    "O clube que tem um jogador em mente terá de fazer uma proposta no mínimo quatro dias antes. Ninguém deixa para o dia 31. Assim, se não acertar agora, tem uma segunda opção", referiu o dirigente mineiro. Maluf confirmou, no entanto, ter sido abordado pelo empresário António Araújo, em representação do FC Porto, que lhe apresentou uma proposta inferior aos 10 milhões que constam na cláusula de rescisão. O dirigente do Cruzeiro aguarda agora um contacto direto da SAD portista.

    "Não falo de propostas de agentes. Quem tem o poder de falar em nome do clube é o próprio clube. Tem de mandar um documento assinado pelo presidente ou por alguém de direito que represente o clube. Até agora não aconteceu", revelou Maluf.

    Quem lamenta a provável saída de Kléber é o treinador Adílson Batista: "Vou colocar três cadeados na janela para não o deixar sair..."

    ResponderExcluir
  4. O possível adeus mexe com o atacante pela relação carinhosa construída com os cruzeirenses. “Eu, particularmente, sinto muito por isso. Eu fico muito triste com essa situação. Já passei por isso ano passado, no Palmeiras, deixei o clube de uma forma muito triste. Se eu sair do Cruzeiro, pode ter certeza que vou sair muito triste pelos torcedores que sempre me ajudaram, me apoiaram”.

    Em seguida, Kléber fez uma declaração de fidelidade. “Hoje, eu posso dizer que, se eu tiver que sair, pra mim só tem dois clubes no Brasil, que são Cruzeiro e Palmeiras. Só jogo nesses dois clubes. Eu não jogaria em outro clube porque o que representa pra mim hoje, o Cruzeiro, e o Palmeiras, ano passado, eu fico muito feliz com todo esse carinho. Quando eu comecei a jogar, eu não pensava muito em dinheiro, nem status, eu pensava em reconhecimento. Eu fico muito triste com isso e espero, se continuar, dar muita alegria aos cruzeirenses”.

    ResponderExcluir
  5. Caro Zirlei, enquanto esses perrelas estiverem no Cruzeiro vai ficar essa palhaçada eles ja fizeram muito pelo CRUZEIRO mais é hora de outro pegar o nosso clube, infelismente nosso CRUZEIRO virou um balcão de negocios.

    ResponderExcluir
  6. pega logo zezé o cara é racudo e goleador também , gosto de jogador argentino pela sua raça

    Argentino Ernesto Farías poderá entrar em negociação de venda do atacante Kléber


    A negociação de venda do Gladiador Kléber para o Porto evoluiu nas últimas horas e os portugueses colocaram na mesa uma nova condição: 7,5 milhões de euros, além dos direitos do atacante argentino Ernesto Farías.

    Anteriormente, o representante do Porto, António Araújo, ofereceu ao Cruzeiro uma quantia menor, ainda desconhecida, e os direitos de Ernesto Farías e Leandro Lima, recém-chegado por empréstimo.

    O presidente Zezé Perrella recusou a composição inicial e tudo indica que dirá "não" à nova, apesar do reajuste feito pelo Porto. O Cruzeiro bate pé no pagamento da multa rescisória de 10 milhões de euros. Deste total, o clube terá direito a 50%. A outra metade ficará com o laboratório EMS Sigma Pharma.

    ResponderExcluir
  7. Kléber: «Não tem como esconder»
    AVANÇADO RECONHECE NEGOCIAÇÕES COM OS DRAGÕES




    O avançado Kléber reconheceu que a sua equipa, o Cruzeiro, se encontra em negociações com o FC Porto para a compra do seu passe, embora seja cauteloso quanto a uma possível concretização do negócio.

    "Não tem como esconder porque toda a gente sabe do FC Porto mas vamos ver o que vai acontecer. Faltam poucos dias para o mercado fechar. Se tiver que ir eu vou, se tiver que ficar vou continuar feliz no Cruzeiro", afirmou o brasileiro de 26 anos, em declarações à imprensa brasileira.

    Os dragões têm neste momento Daniel Pereira, do departamento jurídico da SAD, no Brasil para tentar chegar a um entendimento com os dirigentes do Cruzeiro e o negócio está cada vez mais perto. O empresário do jogador, Giuseppe Dioguardi, já mudou o seu discurso inflexível e reconheceu que "o FC Porto pode ser excelente para o futuro" do jogador.

    ResponderExcluir
  8. O KLEBER FICANDO NOSSAS CHANCES NO BRASILEIRÃO AUMENTA E MUITO

    ResponderExcluir

"Se todas as batalhas dos homens se dessem apenas nos campos de futebol, quão belas seriam as guerras".